O corpo do arquiteto de Marília, Marcus Vinicius do Prado Fonseca, 33 anos, foi sepultado no início da tarde desta sexta-feira (20), após ele morrer vítima de um acidente na rodovia Washington Luís, perto de Rio Claro (SP), na noite de quarta-feira (18).
A morte de Marcus Vinicius repercutiu nas redes sociais. “Poxa, amigo de faculdade, amigo de profissão, uma pessoa nota 10, super calmo e atencioso! Deus com certeza vai lhe receber com festa”, disse um de seus amigos, Marcus Vinicius Nabeiro, nas redes sociais.
“Não acredito na notícia que acabei de receber. Muito triste”, lamentou outra amiga de Marcus, Hercília Bordini Germani.
Marcus trabalhava no escritório de arquitetura Roberto Cimino, um dos mais renomados de Marília.

O acidente
Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, o acidente ocorreu na noite de quarta-feira (18), na altura do quilômetro 187 da rodovia Washington Luís (SP-310), perto de Rio Claro, no sentido interior.
Chovia forte no local e, pelo que foi apurado, Marcus perdeu o controle do carro e caiu em uma ribanceira. As equipes da Polícia Rodoviária e da concessionária que administra o trecho foram mobilizadas para a ocorrência, porém a vítima já estava morta.
O corpo do arquiteto foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Rio Claro, onde passou por exames. Após a liberação, o corpo foi levado para Itanhaém, litoral sul do estado de São Paulo, onde foi sepultado na tarde desta sexta-feira (20).

Compartilhar no
Morte de arquiteto de Marília  repercute nas redes sociais