Intenção é evitar mais prejuízos à indústria de viagens

A empresa suíça Uveya está testando uma tecnologia que utiliza para desinfetar aviões, eliminando inclusive o novo coronavírus, por meio de robôs que utilizam a luz ultravioleta (UV). A ideia é restaurar a confiança dos passageiros e evitar mais prejuízos à indústria de viagens em razão da pandemia.
A UVeya está testando a tecnologia em jatos da Helvetic Airways e o robô consegue desinfetar um avião de um corredor em 13 minutos.
“É uma tecnologia bem antiga, mas bem perigosa. Por isso queremos tirar o trabalhador do alcance da luz. Por isso fizemos um robô, porque há algumas soluções quando você está perto da luz, mas isso é perigoso. Então, nós tivemos que fazer um sistema realmente autônomo. Nós o ligamos, deixamos a máquina para fazer a desinfecção em todo o avião e, então, ela para automaticamente, para o trabalhador não estar em contato com a máquina. Também verá se não há nenhum resquício, nem químico. Logo, isso também é muito importante para o viajante, saber que tem um local seguro e que não há resíduos químicos nos assentos, em lugar algum”, disse o cofundador da Uveya, Jodoc Elmiger.

Compartilhar no
Robôs suíços usam luz ultravioleta para desinfetar aviões