• Post Category:Agro

Os custos mensais para criação de suínos e de frangos tiveram mais um aumento neste mês. Isso significa que, em breve, esse aumento será repassado para o consumidor pelos mercados e açougues.
Em outubro, o ICPSuíno chegou aos 352,95 pontos, alta de 14,98% em relação a setembro, superando o então recorde nominal do índice, de 306,95 pontos, que também era do nono mês de 2020.
Já o ICPFrango fechou o outubro nos 328,76 pontos, uma alta de 8,89% em comparação a setembro. Esse também é um novo recorde nominal do índice criado em 2011 pela Embrapa e pela Conab para medir a variação mensal dos custos de produção.
O Brasil é o maior exportador de frango no mundo, com mais de quatro milhões de toneladas vendidas em 2019.
O País segue como o quarto maior exportador de carne suína do mundo, vendendo 750 mil toneladas a outros países. Esses também são dados de 2019, apresentados pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, uma empresa pública de pesquisa vinculada ao Ministério da Agricultura. Os estados de Santa Catarina e Paraná são usados como referência nos cálculos, por serem os maiores produtores nacionais de suínos e de frangos de corte, respectivamente.

Compartilhar no
Carne de porco e frango devem  aumentar de preço para o consumidor