Segundo a psicanalista, psicoterapeuta e fundadora da Sociedade da Ciência do Sentir (Socis) Beatriz Breves, falar sobre sentimentos é difícil, mas nomear o que se sente é ainda mais. É por isso que depois de 30 anos de estudo sobre “o sentir” que a escritora carioca lança a obra Falando de Sentimentos com Beatriz Breves. De A a V, o livro reúne 80 sentimentos para auxiliar as pessoas na difícil missão de se comunicar.
Arrependimento, ciúme, confiança, decepção, desespero, gratidão, expectativa… com o conhecimento profissional e a delicadeza necessária para abordar cada um destes sentimentos, Beatriz os descreve e se preocupa em diferenciar o que é uma ação e um sentimento. É o caso, por exemplo, da ação de vingança e o sentimento de vingança. “A ignorância sobre o que se sente é resultado de um sistema de valores que, desde a infância, reprimiu os nossos sentimentos e nos levou a essa confusão”, explica a psicanalista.
“Pela incapacidade de ir adiante ou pela espera de algo que não se realiza, surge a frustação. Um sentimento que agrega raiva, como também os sentimento de fracasso, tristeza, amargura, decepção, que, entre outros, levam a pessoa a se sentir infeliz.”
(Falando sobre sentimentos com Beatriz Breves, pág. 60)
A produção também instrui o leitor a mobilizar conhecidos e organizar um grupo para falar sobre sentimentos. Na sede da SoCis, Beatriz reúne semanalmente um pequeno grupo para discutir o assunto. “Os resultados têm sido surpreendentes”, reforça Beatriz – atualmente, por causa da pandemia, os encontros têm acontecido no formato on-line.
A escritora de Falando de Sentimentos com Beatriz Breves é autora, ainda, de outras sete obras, entre elas “Macromicro – A Ciência do Sentir”, “O Eu Sensível” e o “O Homem Além do Homem”.
Sinopse
Amizade, Compaixão, Culpa, Depressão, Esperança, Felicidade, Humilhação, Medo, Nostalgia, Ódio, Paz, Responsabilidade, Solidariedade, Timidez e Vingança, listados de A a V, são alguns dos 80 sentimentos sobre os quais este livro discorre. Beatriz Breves, psicóloga, psicanalista e psicoterapeuta de grupo, fundadora da Sociedade da Ciência do Sentir – SoCiS, reúne semanalmente na sede da SoCiS, em Copacabana, um grupo para falar de sentimentos, onde as pessoas se abrem, se expressam, se comunicam sobre o que sentem. “Os resultados têm sido surpreendentes”, afirma a autora, que, neste livro, ensina passo a passo, a qualquer grupo que queira se reunir – na escola, na família, entre amigos, etc. -, a dinâmica para falar de sentimentos. Em sua página no Facebook: “Falando de Sentimentos com Beatriz Breves”, ela vem escrevendo, todos os domingos, sobre um sentimento. Como ela diz nesta obra, “falar os sentimentos, falar sobre os sentimentos” é “reger a sinfonia interna, escutar a própria melodia, orquestrar a história de sua vida”.

80 sentimentos para os leigos na Ciência do Sentir