Neste momento em que se discute se as aulas devem voltar ou não, pois o efeito pode ser danoso para alunos e professores, por causa da possível contaminação pelo coronavírus, nada melhor do que fazer algumas reflexões sobre a educação, especialmente a partir de um lugar situado que é a América Latina. É justamente isso que o livro Pensamento latino-americano e educação: por uma ética situada, publicado com o selo Cultura Acadêmica, da Editora Unesp, pretende promover. Para baixar gratuitamente o livro basta acessar o seguinte link: https://bit.ly/3fz8ycK

Segundo os organizadores, o livro é fruto de discussões e produções feitas pelos seus autores e pretende oferecer ao público vinculado ao campo da educação contribuições para se pensar um ethos enraizado nas práticas e vivências escolares e que se concretize processualmente nas ações docentes. “Desejamos criar um debate de caráter de resistência e luta como filosofia que contenha potenciais que estejam além de sua própria circunscrição histórica e social, e que, portanto, sejam capazes de proporcionar uma compreensão suficientemente ampla do trajeto do Ser Sul, ou seja, ser latino-americano”, enfatiza Genivaldo de Souza Santos. Na mesma direção afirma o professor Cláudio Roberto Brocanelli, ao considerar que muitos dos problemas e desafios que se encontra na escola podem ser melhor redimensionados a partir de uma visão “de dentro”, isto é, de um olhar atento aos componentes históricos que nos compõe como povo latinoamericano.

Pensar a educação e a ética a partir de um lugar situado, mas que é influenciado por outras ideias e concepções, implica e solicita um esforço na busca de se compreender as coisas a partir de uma outra perspectiva, que contemple outras vozes, outros protagonismos, outros “centros” de produção de pensamento e ideias. “A publicação deste livro para o público brasileiro e latinoamericano pretende ser um espaço de resistência, de combate e de luta, para que a educação seja a protagonista, de fato e de direito, na transformação das pessoas e do mundo”, salienta Alonso Bezerra de Carvalho.

Os organizadores

Alonso Bezerra de Carvalho é doutor em Filosofia da Educação (USP) e professor Livre-Docente do Departamento de Didática e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Unesp/Marília. É líder do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação, Ética e Sociedade (GEPEES), cadastrado no CNPq.

Cláudio Roberto Brocanelli é doutor em Educação pela UNESP/Marília, onde é docente do Departamento de Administração e Supervisão Escolar. É membro do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação, Ética e Sociedade (GEPEES), cadastrado no CNPq.

Genivaldo de Souza Santos é doutor em Filosofia da Educação pela Unesp/Marília e docente do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, Campus de Birigui. É vice-líder do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação, Ética e Sociedade (GEPEES), cadastrado no CNPq.

Compartilhar no
Livro trata de ética e educação na América Latina