Um acidente envolvendo um ônibus e um caminhão deixou um saldo de sete mortos, 14 vítimas graves e 18 pessoas com escoriações generalizadas em Parapuã (110 quilômetros de Marília).

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, a colisão frontal ocorreu na noite de segunda-feira (21), no quilômetro 385 da SP-425 (Rodovia Assis Chateaubriand).

O ônibus de turismo, com placa de Pelotas (RS), saiu de São Felix do Xingu, no Pará, com dois tripulantes e 39 passageiros, entre eles cinco crianças.

O veículo seguia para o município de Carazinho, no Rio Grande do Sul. O caminhão bitrem é de Lucélia.

Entre os mortos estão o condutor do ônibus, Donizete Alexandre dos Santos Filho, de 30 anos, e seu irmão, Bartogaleno Alexandre dos Santos, 33.

Os corpos dos dois foram levados para o município de Lucélia, onde ambos residiam. Ainda não há informações sobre a identidade dos demais.

Duas crianças, uma de oito e outra de seis anos, que saíram ilesas do acidente, foram encaminhadas para uma casa de abrigo da cidade de Osvaldo Cruz, onde deverão aguardar a liberação das tias e da avó, envolvidas no acidente e que foram levadas para os hospitais da região.

As vítimas foram encaminhadas para os hospitais de Parapuã, Osvaldo Cruz, Tupã e Marília. Algumas foram medicadas e liberadas, outras permaneceram em observação. Quatorze delas, consideradas mais graves, foram encaminhadas para a Santa Casa de Marília.

Compartilhar no
Acidente entre ônibus e caminhão  deixa sete mortos em Parapuã
Colisão frontal envolveu um ônibus e um caminhão na SP-425