Diz um ditado popular que um cavalo nem sempre passa arriado mais de uma vez, em referência a uma grande oportunidade. Ou que dois raios não caem exatamente no mesmo lugar.
Pois hoje o Tigre vai precisar montar no Jacaré. Ou melhor: o Marília terá que fazer valer a crendice, na prática, diante do Rio Preto se quiser vislumbrar a chance de alcançar o ‘G8’, a seleta zona de classificação para a 2ª fase do Campeonato Paulista da Série A3.
O jogo começa a partir das 20 horas, no Abreuzão. O acesso à torcida será apenas ao tobogã dois, devido às reformas no estádio.


MAC tenta entrar de novo no ‘G8’ contra Rio Preto / O Marília teve sua primeira opotunidade de entrar no ‘G8’ contra o Olímpia. Cedeu o empate, em 1 a 1. Nesta quarta (4), para pensar em ficar entre os melhores, não tem outra alternativa senão vencer.
O Tigre está em 11º lugar com 10 pontos. Se vence, vai a 13 – pontuação atual de Desportivo Brasil e São Bernardo, 3º e 4º colocados. O problema é que a concorrência pela permanência ou vaga entre os oito melhores está acirrada, com um time com 12 pontos (Velo Clube) e outros quatro com 11 (Capivariano, Barretos, Comercial e Batatais) e ainda mais dois com 10 (Nacional e Olímpia).
Ou seja: um eventual delize, de novo, nesta quarta (4), pode começar a mudar os objetivos do Tigre nesta A3: da vaga pela manutenção no campeonato.

FICHA TÉCNICA
Marília x Rio Preto
Marília: Thiago Moraes; Lazarini, Rodrigo Lacraia, Hítalo e Edu Pina; Mykaell, Fabrício, Bruno Ribveiro e Alan Calbergue; Carlos André e Dener. Técnico: Guilherme Alves. Rio Preto: Ramon, Arthur (Rafael Cursino), Glauco (Bruno Miguel), Téssio e Assolan; Iago Pereira, Beto e Thiaguinho; Gabriel Barcos e Iago Martins. Técnico: Ivan Canela. Arbitragem: Ricardo Bittencourt, Marcelo Zamian de Barros e Helio Antonio Salvia de Sá. Local: “Bento de Abreu”, em Marília, às 20 horas.

Compartilhar no